Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por falcao, em 18.03.07
ASNEIRA - O Ministério da Cultura pouco tem feito , mas ganhou ao longo do último ano o estatuto de intermediário de negócios. Esta nova competência ministerial veio de braço dado com o Comendador Berardo e com as regras que ele impôs ao Estado para garantir um bom negócio na venda da sua colecção privada ao Centro Cultural de Belém. É curioso notar que ao mesmo tempo que se tornou ágil nos negócios, o Ministério da Cultura tem-se revelado inábil e incompetente naquilo que devia ser a sua primeira função. Um sinal é o afastamento de Paolo Pinamonte do S. Carlos basicamente porque ele se pronunciou (e bem) contra a aberração de gestão que promete ser a fusão entre a Companhia Nacional de Bailado e o Teatro Nacional de S.Carlos , com a criação da OPART, uma empresa mista de dança e de ópera. Outro sinal, ainda mais preocupante, é a forma como são retirados fundos ao Museu Nacional de Arte Antiga, fundos provenientes de mecenas que queriam apoiar o museu de determinada forma, fundos retirados de forma arbitrária e autoritária pela tutela que os resolveu aplicar noutros locais. O Ministério da Cultura passou dois anos sem nada fazer. Agora começou a fazer asneiras, das grandes, e dando prova de grande teimosia e arrogância



FOGACHO - Depois da operação mediática de colocar uns reboques nas Avenidas Novas a retirar carros mal estacionados, eis que desde há quinze dias nada se passa e tudo está na mesma. A EMEL, essa aberração que persegue os cidadãos de Lisboa, continua exactamente na mesma: passa multas mas não disciplina o estacionamento. Afinal foi tudo fogo de vista, um fogacho para inglês ver.


CLIENTE- Quando queremos subscrever um serviço da TV Cabo basta utilizar o telefone, o mesmo telefone que a empresa usa e abusa para maçar os seus clientes com ofertas e campanhas às horas mais inconvenientes. Mas quando o queremos desligar começa um rosário de dificuldades – tem que ser por fax, por telefone não pode ser, por email também não. Enfim, um compliquex – por alguma razão a TV Cabo é a líder de queixas na DECO.


LER – A edição especial da revista «Egoísta» integralmente dedicada a Agustina Bessa-Luís. Nesta número extra-série, permito-me destacar a entrevista que Inês Pedrosa fez à escritora. Mas merecem também destaque as extraordinárias fotografias de Maria Carapeto e Augusto Brázio, os desenhos e fotografias do marido de Agustina, Alberto Luís, e ainda dois textos, «O Amor É Fácil Demais» , de Francisco José Viegas e «Como Ninguém», de Lídia Jorge. São 88 páginas de excepção que nos são oferecidas graças à generosidade e à visão de Mário Assis Ferreira e ao talento de Patrícia Reis. Não resisto a deixar uma citação de Agustina, destacada na «Egoísta» : «Até ao fim somos amantes uns dos outros»,



OUVIR – Tenho as melhores razões para ter boas memórias dos Heróis do Mar, a banda que nos anos 80 fez Portugal aparecer na imprensa internacional, me fez ver uns concertos divertidos, me pôs a dançar e a cantar. Boas noites passei eu ao som dos Heróis… Coincidindo com a exibição do documentário «Brava Dança», de José Pinheiro e Jorge Pereirinha Pires, a EMI lançou uma colectânea com 16 temas da banda, do «Amor» à «Saudade», passando pela «Paixão», o «Fado» , a injustamente desprezada «Africana» e a sempre muito oportuna «Só Gosto de Ti». CD EMI Music Portugal.



VER – A exposição «Lisboa-Luanda-Maputo», uma iniciativa da Plataforma Revólver que junta na Cordoaria Nacional, até 24 de Abril, artistas plásticos contemporâneos de Portugal, Angola e Moçambique. Aqui está um bom exemplo do que pode ser feito graças ao esforço de uma galeria que tem procurado descobrir novas fronteiras, com o apoio de um patrocinador privado, a Alcatel.



PROVAR – Nestes dias de sol há um sítio simpático para se almoçar, mesmo no meio de Alvalade, mais precisamente por detrás do Liceu Padre António Vieira. O restaurante chama-se «A Giralda» e fica no complexo do Lisboa Racket Centre, Rua Alferes Malheiro, por detrás do Liceu Padre António Vieira. A sala é luminosa , com um varandim amplo a dar para os courts de ténis. A nova gerência assegura um serviço simpático, peixe fresco, um buffet de saladas e de pratos do dia mais substanciais, além de uma lista bem composta. A confecção e o tempero são bons, os preços razoáveis, o telefone é o 969847920, está aberto das nove às nove, só serve almoços e é muito fácil estacionar.



BACK TO BASICS –O segredo da criatividade é saber esconder as suas fontes – Albert Einstein.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:36


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2003
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D